Listagem mensal: maio 2017

Ordenar: Data | Título | Aleatório Ordenar decrescente
Visualizar:

ESSA É A GUERRA AS DROGAS, …

Adicionado por 6 meses atrás

26 Visualizações0 Comentários

ESSA É A GUERRA AS DROGAS, ENQUANTO HELICÓPTEROS DE SENADORES, DEPUTADOS E ETC FAZEM O TRAFICO DE DROGAS USANDO AEROPORTOS E TERRAS DE POLÍTICOS,O ESTADO DIZ QUE LUTA CONTRA O CRIME. CHEGA DESSA BARBÁRIE

JÁ ESTÁVAMOS COM SAUDADES

Adicionado por 6 meses atrás

27 Visualizações0 Comentários

JÁ ESTÁVAMOS COM SAUDADES

ANOTA Aí

Adicionado por 6 meses atrás

36 Visualizações0 Comentários

ANOTA Aí! PODRES PODERES!

Nos dias 19 e 20 de maio o Rio de Janeiro sediou o …

Adicionado por 6 meses atrás

24 Visualizações0 Comentários

Nos dias 19 e 20 de maio o Rio de Janeiro sediou o II Encontro da Rede Nacional de Mães e Familiares de Vítimas do Terrorismo do Estado. O Encontro contou com a participação de mães e familiares de diversas parte do Brasil. No dia 19 os familiares fizeram uma passeata em memória das vítimas do mês de maio e levaram uma carta à ALERJ solicitando aos deputados estaduais apoio e agilidade na votação de projetos de lei que visam minimizar a violência policial e garantir o direito de assistência e reparação aos familiares que tiveram seus filhos assassinados. E no dia 20 ocorreram diversas atividades culturais, debates em Manguinhos. Amanhã será votada a PL 1.789/16, que cria a Semana de Luta das Mães e Familiares Vítimas da Violência do Estado, uma das exigências debatidas no Encontro. A luta continua!

QUE TIPO DE GESTÃO DA CIDADE É ESSA?

Adicionado por 6 meses atrás

19 Visualizações0 Comentários

QUE TIPO DE GESTÃO DA CIDADE É ESSA?

Vivência de Agroecologia Comunicação Não …

Adicionado por 6 meses atrás

20 Visualizações0 Comentários

Vivência de Agroecologia + Comunicação Não Violenta na Aldeia Maracanã. https://www.facebook.com/events/307334613035804/?ti=cl

Segundo Encontro da Rede Nacional de Mães e …

Adicionado por 6 meses atrás

22 Visualizações0 Comentários

Segundo Encontro da Rede Nacional de Mães e Familiares de Vítimas do Terrorismo do Estado Mães, parentes e amigos de vítimas da violência institucional de diversos estados, como São Paulo, Minas Gerais e Bahia, estão no Rio de Janeiro para participar do "II Encontro da Rede Nacional de Mães e Familiares de Vítimas do Terrorismo do Estado". O evento acontece nesta sexta-feira (19) e sábado (20). O objetivo é denunciar o genocídio do povo negro, as chacinas em favelas, o aumento do número de homicídios no país e buscar respostas do Estado em relação a cada um desses casos. É a oportunidade de ouvir diferentes relatos que, juntos, mostram como essas mortes não são "acidentes", mas sim um projeto político de extermínio colocado em curso. É importante ressaltar que entre 2009 e 2015, 17.688 pessoas foram mortas pelas polícias de todo o país. Só no ano de 2016, no Rio de Janeiro a polícia matou 920 pessoas. Nos três primeiros meses deste ano, mais de 300 pessoas foram mortas, o equivalente a 3 mortos por dia pelas forças do Estado. No dia 19, às 13h, uma caminhada será feita saindo da Candelária até a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) e uma carta será entregue ao atual presidente da casa. No manifesto, produzido pelos familiares de todo o país, serão exigidas as seguintes ações: Pela criação do Fundo de Reparação Econômica, psíquica e social aos familiares por parte do Estado; Autonomia das Perícias; Criação da Semana Estadual de Luta das Mães e familiares Vítimas da Violência do Estado; Aprovação do Projeto de Lei 182/2-15, que determina afastamento imediato de policiais que já respondam a processos na justiça. Já no sábado, dia 20, a programação será na favela de Manguinhos, localizada na Zona Norte do Rio. Os dois dias de atividades estão sendo organizados por familiares que perderam seus parentes por causa da violência do Estado. Infelizmente, os números de homicídios no país têm crescido, por isso, é importante fortalecer e fazer ecoar as vozes desses familiares. Programação: Sexta, dia 19 de maio - Caminhada e entrega da carta na Alerj 13h - Concentração na Praça da Candelária e caminhada até a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro Sábado, dia 20 - Favela de Manguinhos Local: Campo do Society 14h às 20h - Programação cultural e roda de conversas entre os familiares Contato: Dalva: 21 98431-1064

FORA TEMER FORA PEZÃO #UERJRESISTE

Adicionado por 6 meses atrás

27 Visualizações0 Comentários

FORA TEMER FORA PEZÃO #UERJRESISTE

#UERJRESISTE

Adicionado por 6 meses atrás

35 Visualizações0 Comentários

#UERJRESISTE!!!

ANOTA AÍ

Adicionado por 7 meses atrás

32 Visualizações0 Comentários

ANOTA AÍ!

Coletivo Projetação compartilhou o vídeo de …

Adicionado por 7 meses atrás

26 Visualizações0 Comentários

VIOLÊNCIA NÃO É TRABALHO

Adicionado por 7 meses atrás

32 Visualizações0 Comentários

VIOLÊNCIA NÃO É TRABALHO! SE ESSES MANÍACOS ACHAM QUE ESTÃO TRABALHANDO. ESTÃO ENGANADOS!